Page optimized by WP Minify WordPress Plugin

 Japão dá um lição no Rio de Janeiro | Pastor Claybom
nav-left cat-right
cat-right

Japão dá um lição no Rio de Janeiro

Em abril de 2010 nós sofremos a tragédia das chuvas em Niterói, São Gonçalo e Maricá. Além de várias vidas perdidas houve também o prejuízo material com casas, prédios e rodovias abaladas.Uma das principais rodovias de Niterói, a Rodovia Amaral Peixoto (RJ-104), foi terrivelmente castigada tendo vários trechos do seu percurso afetado por deslizamentos e erosão da própria estrada.

Em maio deste mesmo ano foi dado início às obras de recuperação da pista. Foram 4 trechos em separado que somados não dariam 1,4km de obras. Desde então os moradores de São Gonçalo, Maricá e outras cidades que passam por estes lugares estão sofrendo com engarrafamentos monstruosos e que oneram a viagem de ida e volta do trabalho em, pelo menos, 30 minutos por trajeto.A obra iniciada em maio de 2010 no sentindo Niterói para fazer a contenção de um trecho inferior a 500 metros AINDA NÃO TERMINOU, enquanto a obra por volta do km 5 desta rodovia, próximo a fábrica PLASTIGEL causa um engarrafamento diário de pelo menos 4 km. Outra obra iniciada no início da pista, sentindo São Gonçalo, é um transtorno diário para quem quer voltar para casa.

Enquanto isso do outro lado do mundo em um país tragado pelas tragédia de um terremoto de magnitude 9 e um tsunami gigantesco que varreu cidades inteiras desse pais, uma estrada completamente destruída por estes eventos foi RECONSTRUÍDA EM 6 DIAS!

 

Destruída no dia 11/03 e totalmente reconstruída no dia 17/03

Mas vocês vão me falar “mas o Japão é um país rico…” – nem precisa falar mais nada: a única explicação que eu aceito é que lá não tem a mesma corrupção que tem aqui! Eu garanto a todos que o valor pago por esta obra de contenção é infinitamente superior ao o que foi gasto no Japão! Com certeza muita gente lucrou aqui em cima da tragédia pública, em cima da dor dos outros e quem sofre somos nós que temos que passar todo santo dia por este engarrafamento triste! E o pior é que todo mundo sabe mas ninguém faz nada!

Cadê a televisão para mostrar estes fatos? Cadê as reportagens de denuncia?

A verdade é triste…

Pastor Claybom

Fonte: G1



Publicado por Pastor Claybom, pai apaixonado, nerd como marca de nascimento, geek por paixão, adorador por excelência. Enfim, um servo de Deus que tenta entender tudo o que Ele nos oferece no dia a dia.



4 Comentários para “Japão dá um lição no Rio de Janeiro”

  1. MauBirochi disse:

    Pelo Post , ouvi pela BandNews FM que se a gente for para as regiões atingidas no Rio, parece que tudo ocorreu ONTEM ! É um absurdo a ineficiência dos nossos governos, e temos que lembrar que a arrecadação de impostos só aumenta e nada. mas nada mesmo muda.

  2. Desculpe de usar um palavrão, Pastor, mas o senhor matou a PAU!!

    Concordo com tudo que você disse e digo mais: só teremos o mesmo nível de eficácia dos japoneses quando a CORJA que está se refestelando em Brasília for substituida por gente decente! Pensem nisso nas próximas eleições!

    Vida Longa e Próspera

  3. José Luiz disse:

    Pastor,
    Você disse tudo! Aqui as coisas só acontecem, quando acontecem, depois que os percentuais podres e nojentos são acertados entre as partes, ou melhor, os cúmplices que vão executar a tarefa.
    Essa informação de que a obra começou em maio, será verdade? Eu também passo por lá todo dia, e não vi ninguém até novembro do ano passado, e aí sim alguns operários pingados começaram a aparecer.
    Bem, começando logo após a destruição ou não, o fato é que ninguém aguenta 1 ano com meia pista de um lado e do outro da RJ104, já está insuportável, você tem toda razão.

    Abraço!

  4. Essa eficiencia japonesa é assustadora.
    Uma obra desse nivel no Brasil (iLiLiLiLiLiL)levaria no minimo uns 2 anos.

    Algum de vcs reparou nas imagens das casa sendo carregadas INTEIRAS pela agua? Isso prova que o povo japones estava pronto pro terremoto, mas quem é q ia planejar casas anti-tsunami??

    Quem construiu essa casa (http://bit.ly/fU2LA2)deve estar se perguntando como ér q ela ñ esfarelou com um barco de 45m em cima da laje…

Deixe seu Comentário