Page optimized by WP Minify WordPress Plugin

 Ok, valeu Lost, câmbio, desligo! | Pastor Claybom
nav-left cat-right
cat-right

Ok, valeu Lost, câmbio, desligo!

O evento televisivo da década, assim foi chamado o último episódio da série que nos prendeu durante seis longos anos: LOST. Ainda me lembro de quando um amigo do trabalho me emprestou a primeira e a segunda temporada de Lost para que eu a conhecesse. Comecei a ver na sexta a noite e já na outra segunda eu conseguir ver toda a primeira temporada. Daí em diante não parei mais. Fiquei completamente obcecado por essa série que esperava ansiosamente sairem o torrent e a legenda. Gostei tanto que adquiri todas as temporadas em DVD. Mas o que tinha de tão especial nesta série: eram os mistérios, os dramas pessoais, a amizade e as brigas que surgiam temporada após temporadas.

Na minha opinião, o ponto alto da série foi o mistério. Por conta disso é que o final talvez não tenha agradado a todos. Não vou comentar aqui o final da série pois ainda quero angariar o respeito dos meus leitores. Talvez os mais espertos vejam em uma ou outra palavra minha a chance de ser um spoiller. Se você é um dos espertos então não continue lendo. Pra falar a verdade vou ter que citar alguma coisa sim!

A verdade é que não tem como agradar a todos. A série foi fantástica em todos os pontos mas como deixar todos satisfeitos? Isso é praticamente impossível. Não tem como acontecer. Achei este final muito crível, sem apelar para o fantástico e inimaginável. Tá certo que aquela “verdade” por trás da realidade paralela foi bem forçado mas tirando o lado religioso foi muito legal.

Eu interpretei a mensagem que foi passada pelos autores de Lost da seguinte forma:

1º – A nossa história só tem um único caminho. Não há como voltar atrás. Parafraseando o filme “A Máquina do Tempo” nós somos o inevitável resultado de nossas próprias ações. Esta mensagem é clara não é absurda! Muitas vezes estamos reclamando de como está nossa vida, nossa casa, nosso trabalho. Mas de quem é a culpa? Você quer culpar a Deus? Não! A culpa é nossa mesmo! Não tem como culpar a outros. Por que um personagem morreu? Por que o outro sobreviveu? Nada mais, nada menos do que suas próprias ações… não culpem os diretores/autores de lost por isso. Ou vocês queriam que o final fosse feito no estilo DC Comics? Quando um herói morre, daqui a pouco ele ressucita novamente? Fala sério!!

2º – No fim, o que vale mesmo são as  amizades que construimos ao longo de nossa jornada. Esta foi a mensagem que foi passada com a trama da realidade paralela. Não tem como não perceber isso. Nos passamos nossa vida conhecendo e se relacionando com as pessoas ao nosso redor. O que elas valem para nós? Como estamos trabalhando com essas amizades? Posso dizer, sem sombra de dúvida que um amigo as vezes vale mais que um irmão. Passei por isso durante as chuvas de abril. Muitos dos meus amigos do twitter ligaram para mim para saber como eu estava, se eu precisava de alguma coisa.  No episódio final de Lost vimos este fato muito bem retratado com todos os personagens se ajudando a se “encontrarem”.

Tirando este lado do limbo que não gostei muito, achei o final bom. Inclusive a sequencia de imagens fazendo uma completa e total analogia ao primeiro episódio foi sensacional. Ao se fechar o episódio fiquei com uma sensação estranha… achei que faltava alguma coisa. Até filmei minha reação para mostrar no Losties como foi pedido no twitter, mas eu acho que a sensação que ficou foi a de fim mesmo. Acabou uma grande série. Amada por uns, odiada por outros. Passei a ficar mais exigente com qualidade depois de começar a assistir Lost. E, agora que acabou, o que eu vou ver? Não sei… espero que apareça uma série a altura mas acho difícil.

Valeu Lost! Câmbio, desligo!

=D
Pastor Claybom



Publicado por Pastor Claybom, pai apaixonado, nerd como marca de nascimento, geek por paixão, adorador por excelência. Enfim, um servo de Deus que tenta entender tudo o que Ele nos oferece no dia a dia.



Um Comentário para “Ok, valeu Lost, câmbio, desligo!”

  1. […] This post was mentioned on Twitter by Pastor Claybom and Pastor Claybom, J.R.. J.R. said: RT @pastorclaybom: #BlogPastorClaybom: Ok, valeu Lost, câmbio, desligo! http://migre.me/IPJA – Visitem, comentem e RT, please. […]

  2. Eu também gostei muito do final, estranhei um pouco essa parte do limbo, mas aceitei, já que é apenas um obra de ficção, não condiz com a realidade.
    Achei legal algums mistérios terem continuado como mistério, assim fica alguma coisa para discutir depois.

Deixe seu Comentário