Page optimized by WP Minify WordPress Plugin

 Não beba! Mas se for beber… | Pastor Claybom
nav-left cat-right
cat-right

Não beba! Mas se for beber…

Como ministro evangélico que sou recomendo a todos que não se embebedem pois uma pessoa tomado pela bebida alcoólica faz cada bobagem que nos deixa pra lá de envergonhados. Um mico aqui, uma vergonha ali e um acidente acolá. O prejuízo sempre é grande!

Mas se você gosta mesmo de beber e adora passar por esses episódios, então segue um texto que me enviaram que é muito interessante:

Você vai ao bar e bebe uma cerveja. Bebe a segunda cerveja… A terceira, e assim por diante.

O teu estômago manda uma mensagem pro teu cérebro dizendo:

– Caracas véio… O cara tá bebendo muito liquido, tô cheião !!!

Teu estômago e teu cérebro não distinguem que tipo de líquido está sendo ingerido, ele sabe apenas que “é líquido”.

Quando o cérebro recebe essa mensagem ele diz:

– Caracas, o cara tá maluco !!!

E manda a seguinte mensagem para os rins:

– Meu, filtra o máximo de sangue que tu puder. O cara aí tá maluco e tá bebendo muito líquido. Vamos botar isso tudo pra fora.

E o rim começa a fazer até hora-extra, filtrando muito sangue e enchendo rápido. Daí vem a primeira corrida ao banheiro. Se você notar, esse primeiro xixi é com a cor normal, meio amarelado, porque além de água, vêm as impurezas do sangue.

O rim aliviou a vida do estômago, mas você continua bebendo, e o estômago manda outra mensagem, agora para o cérebro:

– Cara, ele não para. Socorro !!!

E o cérebro manda outra mensagem pro rim:

– Véio, estica a baladeira, manda ver aí na filtragem !!!

O rim filtra feito um louco, só que agora, o que ele expulsa não é o álcool, ele manda pra bexiga apenas… água (o líquido mais precioso do corpo). Por isso que as mijadas seguintes são transparentes, porque é água. E quanto mais você continua bebendo, mais o organismo joga água pra fora, e o teor de álcool no organismo aumenta, deixando você mais “bunitim”. Chega uma hora que você tá com o teor alcoólico tão alto que teu cérebro te “desliga”.

Essa é a hora que você desmaia… dorme… capota… resumindo: essa é a hora que o “teu” não tem dono!!!

Ele faz isso porque pensa:

– Meu, o cara tá afim de se matar. Tá bebendo veneno pro corpo. Vou apagar esse doido pra ver se assim ele para de beber e a gente tenta expulsar esse álcool do corpo dele…

Enquanto você está lá, apagado (sem dono), o cérebro dá a seguinte ordem pro sangue:

– Bicho, apaguei o cara. Agora a gente tem que tirar esse veneno do corpo dele. O plano é o seguinte: como a gente está com o nível de água muito baixo, passa em todos os órgãos e tira a água deles, e assim a gente consegue jogar esse veneno fora.

O sangue é como se fosse o office-boy do corpo. E como um bom office-boy, ele obedece às ordens direitinho, e por isso começa a retirar água de todos os órgãos.

Como o cérebro é constituído de 75% de água, ele mesmo é o que mais sofre com essa “ordem”, e daí vêem as terríveis dores de cabeça da ressaca. Então…

Eu sei que na hora a gente nem pensa nisso, mas quando forem beber, bebam um copo d’água a cada meia hora, porque à medida que você mija, já repõe a água perdida.
Ou então… BEBA MODERADAMENTE !!!!!!!

(Texto retirado do livro “O Bar do Zé)



Publicado por Pastor Claybom, pai apaixonado, nerd como marca de nascimento, geek por paixão, adorador por excelência. Enfim, um servo de Deus que tenta entender tudo o que Ele nos oferece no dia a dia.



Deixe seu Comentário