Page optimized by WP Minify WordPress Plugin

 O que você pensa para o futuro do planeta? | Pastor Claybom
nav-left cat-right
cat-right

O que você pensa para o futuro do planeta?

Isto eu recebi de uma amiga por e-mail.

Valeu, Ritinha!!!!!

Essa pergunta foi a vencedora em um congresso sobre vida sustentável:

Todo mundo  ‘pensando’ em deixar um planeta melhor para nossos  filhos…
Quando é que ‘pensarão’  em deixar filhos melhores para o nosso planeta?

cobranca

Missionária Doriana
Mulher amada, cuidada e respeitada do Pastor Claybom.
Mãe da super maxi Danoninho.



Publicado por Pastor Claybom, pai apaixonado, nerd como marca de nascimento, geek por paixão, adorador por excelência. Enfim, um servo de Deus que tenta entender tudo o que Ele nos oferece no dia a dia.



3 Comentários para “O que você pensa para o futuro do planeta?”

  1. Bruno disse:

    Conversando com alguns adolescentes outro dia, notei que realmente eles se acham no direito de desrespeitar o professor. Dormir na sala de aula, por exemplo, deixou de ser um desrespeito e passou a ser uma forma de não atrapalhar a aula, na visão desses adolescentes.
    Eu não estava em 1969 nas salas de aula, nem mesmo estava no prelo… Eu levaria ainda mais 20 anos pra nascer. Mas noto que esta imagem pode ser muito bem reduzida. Não se levou tanto tempo assim para se estragar os alunos…
    Nunca fui um aluno nota 10… Era mais pra 8,5, mas nunca admiti nota menor que 7… Ainda me lembro do medo de apresentar meu primeiro “C” em casa. Meus pais não eram rigorosos com as notas. Eu é que era mesmo. Notas assim se tornaram comuns mais pra frente. Mas a vergonha da nota não diminuiu. Apenas me acostumei com ela…
    Isto é uma questão de como se educa seus filhos. O respeito e subordinação começam em casa. Um filho que respeita e se submete a seus pais não é um filho dominado mas sim um filho bem educado. E este certamente respeitará e se subordinará aos professores.
    A única vez que me lembro de ter levantado a voz para um professor foi na faculdade, quando um professor que não conhecia nada de matemática dava uma aula com “números mágicos” que dão certo e, como nerd que sou, não podia admitir que uma simples regra de três fosse transformada simplesmente nisso. Esta aula ainda me revolta e já se passaram quase 10 anos…
    Espero que ao menos os filhos dos cristãos, ativos ou não na igreja, estejam melhores que os demais filhos. Tenho medo de ver a sala que meus pequenos nerds frequentarão.
    Mais uma vez, parabéns MissDoriana pelo importantissimo Post.

    • Paulo disse:

      Muito bom seu comentário. Concordo plenamente.

      “Sem educação não se faz o cidadão” e, lugar de educar filho não é na igreja e nem na escola, e sim no lar.

      E prá “ajudar” ainda tem a repugnante “LEI DA PALMADA”, tirando ainda mais a autoridade dos pais.

      É isso aí. Abraço.

      Paulo

  2. Missionária Doriana disse:

    Bruno, meu querido amigo, como ja disse em outra ocasião fico lisonjeada em tê-lo como amigo. Espero que vc se lembre dessas palavras quando você estver criando seus filhotes. Nerd e cristão tem que ser obediente a pais e superiores. Agora, quando o adolescente é nerd e cristão (tudo junto mesmo) tem que ser exemplo de retidão, dignidade obediência. E um exemplo a se seguido. Afinal, estará sendo obediente a Deus, principalmente. Fica na Paz de Jesus. Ora para Ele mandar logo sua esposa. Vai ter lindos filhotes nerds de olhinhos puxados.

Deixe seu Comentário