Page optimized by WP Minify WordPress Plugin

 Google adquire empresa de VoIP Gizmo5 | Pastor Claybom
nav-left cat-right
cat-right

Google adquire empresa de VoIP Gizmo5

Gizmo5O Google confirmou a aquisição da Gizmo5, empresa de telefonia via internet (VoIP) que é uma das principais concorrentes do Skype. A operação já havia sido especulada há alguns dias pelo site de tecnologia TechCrunch, mas o anuncio oficial só veio nesta quinta-feira através do blog oficial do serviço Google Voice. Embora números não tenham sido divulgados, o valor da transação foi estimado em US$ 30 milhões pelo TechCrunch, segundo “fontes próximas”.

Por sua vez, o Google não divulga quais são seus planos para o Gizmo5, embora esteja claro que incluem a integração com o Google Voice, um serviço gratuito (disponível apenas nos EUA) que permite ao usuário ter um único número de telefone centralizado para todos os seus aparelhos, bem como recursos como transcrição de mensagens de voz, chamadas interurbanas grátis para números nos EUA e chamadas internacionais de baixo custo.

O Gizmo5 atualmente opera de forma similar ao Skype, permitindo chamadas grátis entre PCs ou smartphones e chamadas de baixo custo para telefones convencionais em todo o mundo. A principal diferença é o fato de o serviço operar com base em um protocolo aberto, o SIP – o protocolo do Skype é proprietário e só pode ser usado pela empresa. Embora exista um “cliente” Gizmo5 oficial, o usuário pode escolher qualquer programa compatível com SIP para interagir com o serviço. Por exemplo, o software o Ekiga, para PCs com Linux, ou o SIP Communicator, que roda em Java e é compatível com Windows, Linux e Mac OS X. O serviço Gizmo5 também pode ser usado com o recurso SIP nativo de smartphones como os da marca Nokia.

Segundo o comunicado postado no site do Google Voice, usuários do Gizmo5 podem continuar usando o serviço normalmente. A criação de novas contas, entretanto, está suspensa até a integração com os servidores do Google estar completa. Isto já aconteceu anteriormente, como quando o Google adquiriu o editor de textos online Writely e o transformou no Google Docs.

Fonte: Geek



Publicado por Pastor Claybom, pai apaixonado, nerd como marca de nascimento, geek por paixão, adorador por excelência. Enfim, um servo de Deus que tenta entender tudo o que Ele nos oferece no dia a dia.



Deixe seu Comentário