Page optimized by WP Minify WordPress Plugin

 Vírus no Twitter: saiba como se proteger | Pastor Claybom
nav-left cat-right
cat-right

Vírus no Twitter: saiba como se proteger

Worm, que atacou durante este final de semana, mudou e continua causando estragos; veja o que fazer.

twitter_worm_ilustra150O worm  que atacou o Twitter neste final de semana sofreu mutações e continua a invadir a popular rede de microblogging. Apesar de o Twitter estar tomando providências para controlar a situação, analistas de segurança temem que novas alterações do worm continuem a causar problemas ao longo da semana.
O worm, batizado de “StalkDaily”, foi criado por Mike Mooney, um adolescente de 17 anos, e agora gera milhares de spams com a palavra “Mikeyy”. Este é o quarto ataque da praga em quatro dias, que envia posts no Twitter a partir de contas infectadas, sem o conhecimento do dono do perfil.

Como se proteger do Mikeyy
Antes de qualquer coisa, especialistas alertam usuários para não clicarem em links de mensagens com as palavras “Mikeyy” ou “Stalkdaily”. É recomendado usar clientes de desktop para Twitter como o Twhirl ou o TweetDeck (disponíveis para PC e Mac) e não utilizar a versão web do Twitter, principalmente para visitar perfis de usuários (já que é aí que os ataques parecem se originar).

Como uma medida extra de segurança, você pode desativar o JavaScript em seu navegador. Quem usa Firefox pode aproveitar o add-on No-Script, que impede scripts indesejados de rodarem.

Como remover o Mikeyy
Se você notar alguma atividade suspeita  em seu perfil que inclua as palavras que citamos, muito provavelmente você está infectado. É muito importante que os usuários não “retweetem”  nenhum dos falsos posts.

Limpe o cache de seu navegador e desative o JavaScript. Faça login no Twitter e delete todas as mensagens postadas automaticamente em seu perfil que contenham a palavra “Mikeyy”. Você pode ativar de volta o JavaScript e, assim, mudar sua URL e “resetar” a configuração de cor de seu perfil. Além disso, mudar sua senha pode ser uma boa medida de segurança.

Depois de cumprir esses passos, faça log out de sua conta e continue usando o Twitter via um software

Fonte: PCWorld



Publicado por Pastor Claybom, pai apaixonado, nerd como marca de nascimento, geek por paixão, adorador por excelência. Enfim, um servo de Deus que tenta entender tudo o que Ele nos oferece no dia a dia.



Deixe seu Comentário